O desenvolvimento humano atravessa um momento de questionamento: como equilibrar a expansão econômica com preservação do meio ambiente?  Artigo escrito por Cristiana Pasca Palmer, chefe da Convenção da ONU sobre Diversidade Biológica, aponta que as duas propostas estão interligadas e não há como pensar em desenvolvimento do mercado sem um planeta saudável.

A chefe da Convenção da ONU sobre Diversidade Biológica dá exemplos como o equilíbrio dos ecossistemas ajuda a manter setores como agricultura ou pesca. O texto faz uma alerta sobre a degradação do Meio Ambiente e como ela pode favorecer um colapso da economia mundial.

“Se não frearmos e revertermos em breve a nossa atual trajetória descontrolada de mudanças climáticas, degradação ambiental e perda generalizada da biodiversidade, a economia global vai sofrer consequências negativas por conta própria”, afirma Palmer no texto.

Ela é categórica ao afirmar que “a destruição acelerada da natureza vai minar não apenas a economia global”.  A chefe da Convenção da ONU sobre Diversidade Biológica aponta que é necessário uma parceria que possa preservar ecossistemas para que possamos continuar expandindo a economia.  Será que esse equilíbrio é possível?

Leia o artigo completo.